CORRE! O 23 TA' CHEGANDO!

Tem certas coisas pelas quais eu passo aqui que eu penso, “isso nunca ocorreria no Brasil!”. Outras tantas coisas que eu sei que nao se repetirao por là. Sàbado de tarde a Diana (Brasil) e a Laura (Alemanha) vieram pra minha casa pra dormir por aqui, que no domingo iamos pra um picnic do pessoal da AFS. Mas no sàbado de noite tinhamos combinado de sair comer pizza com os outros intercambistas e voluntàrios. Ok. Começou aì. Fomos pegar um onibus, e quando estavamos chegando no ponto vimos o onibus parado num semaforo, corremos corremos corremos, e conseguimos chegar a tempo. Chegamos ao Campo di Fiori, encontramos os intercambistas,  fomos num bar beber esse negocio patriota horrivel, comemos uma pizza tamanho familia (individual), e agora a parte tensa. Estavamos esperando os pais da turca no Largo Argentina, quando vi o onibus 30, que era uma boa opçao para pegarmos, porque para pertissimo de casa, melhor do que o 23. Ok, corremos! Corremos! Corremos!  E o onibus nao parou em nenhuma das duas fermatas pela qual nòs passamos ofegantes correndo, quase rolando pòs-pizza. Legal, de repente estàvamos em frente ao Vittoriano, nao sei como chegamos là, e nao achamos nenhum ponto pra pegar o 30. Um velhinho simpàtico nos ajudou dando dicas, pegamos um onibus até a estaçao central, e de là pegamos o 30! Ae ae, depois de uma hora e meia chegamos em casa. Mas calma, antes de chegar em casa tem mais uma parte tensa. Sem contar o onibus cheio de indianos. Erramos a parada de onibus, descemos umas tres antes. Andamos por 10 minutos até chegar em casa, até a parte dos 10 minutos é ok, a parte ruim é que era meia noite e quinze. Anyway, finalmente chegamos em casa.

No domingo, picnic, nos divertimos, tchà-tchà, fomos pra Piazza del Popolo,  Piazza de Spagna, e jà estava ficando tarde, elas precisavam pegar o trem. Voltamos pra casa correndo, pela milesima vez, pegamos as malas, e corremos com a Diana, que quase perdeu o trem, chegou na hora exata, e a Laura tambem que foi correndo, mas no fim meu host-father levou-a de moto. Fou um final de semana e tanto, adorei, mas nossa, que correria. Quando vou fazer isso no Brasil? Tà dificil..

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: