Uma Noite E Dois Dias #07

E agora ela para e pensa. Como pudera deixar-se levar por acontecimentos tão… Insignificantes?

Perdera um dia e duas noites. Um dia e duas noites que poderiam ter sido de intensa felicidade. Como já eram os dias decorrentes a esses acontecimentos. Dentro de seus próprios pensamentos já não encontrava explicações, nem se lembrava mais ao certo como havia sido o momento em que deixou-se levar.

 Os últimos dias já eram cheios de novidades e alegrias. Fazia tempo que não se sentia tão feliz. Completa. A tristeza já desconhecia. Vez ou outra reconhecia a fúria em seus pensamentos, mas que logo passava.

Era um novo começo.

{Continua}

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: