Conclusões Inesperadas

Entre um copo e outro, eis que surgiram muitos discursos inacabados e poucas conclusões. N assuntos, n opiniões, n divergências. E não foram somente pensamentos já prontos. Foi, digamos assim, um momento para muitas reflexões e novas ideias, novos pensamentos… Troca de razões. E foi nessa ocasião que percebi que acabei concluindo um pensamento que trabalhei ao longo do blog, que eu não havia conseguido me expressar o suficiente para demonstrar minha opinião através de palavras escritas, e foi naquele momento descontraído que consegui fazê-lo.

Acho que neste momento não me encontro apta a fazê-lo. É muito mais complexo se expressar através de palavras escritas. Quando ditas são muito mais naturais, mais espontâneas. Saem com a entonação que desejamos… Foi uma análise de até que ponto as pessoas mudam, como mudam, e em quais aspectos. Sempre vivi na contradição “as pessoas mudam/não mudam”. Mas como já foi dito, é um assunto complexo demais para ser escrito em poucos minutos, com uma dor de cabeça que incomoda, e um sono que perturba.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: